Reunião com a empresa municipal Cascais Ambiente para conhecer as Boas Práticas na área de recolha de resíduos urbanos.

No caso do concelho de Cascais, muito próximo de Lisboa, o envolvimento da empresa pública Cascais Ambiente permitiu ver e conhecer vários exemplos de sucesso de gestão ambiental.

 

A delegação foi recebida no Centro Cultural de Cascais pela Vereadora do Ambiente de Cascais, Engenheira Joana Balsemão. A apresentação esteve a cargo do presidente do Conselho de Administração da Cascais Ambiente, Luís Almeida Capão.

De seguida foi feita uma visita a uma ilha ecológica e demonstração do funcionamento de camiões e máquinas de limpeza urbana, pelo diretor técnico da Cascais Ambiente, Paulo Leal. Posteriormente, a Tratolixo Trajouce, sua presidente, explicou o sucesso e as aplicações práticas na compostagem de bio-resíduos.

 

Agradecemos a Cascais e a Torres Vedras o envolvimento neste projeto e empenho na programação da visita dos responsáveis ​​das três entidades participantes, Câmara de Água Grande, Câmara dos Mosteiros e Consorcio de la Ribera, e a partilha de experiências e exemplos com vista a melhorar a gestão dos serviços no bairro Água Grande.

 

O “Compostim” é um projeto piloto de compostagem e transformação de resíduos orgânicos em marinada natural, por meio de um jardim de plantas. O projeto resulta de uma colaboração público-privada entre o SMAS de Torres Vedras e os promotores do projeto, Tânia Carvalho e Miguel Contreras.

 

Esses ‘’compostores’’ são encontrados em áreas residenciais, e o objetivo é integrar este sistema de compostagem comunitária num contexto urbano, além de sensibilizar a população para o manejo sustentável de resíduos orgânicos. Além disso, as famílias recebem treino para adquirir conhecimentos e poder integrar o resultado da compostagem em suas hortas urbanas.

Skip to content